sexta-feira, 24 de março de 2017

Boletim Epidemiológico apresenta indicadores prioritários para o controle da tuberculose e a meta para acabar com doença como problema de saúde no Brasil: alcançar um coeficiente de incidência de menos de 10 casos por 100.000 habitantes até o ano de 2035


Coeficiente de incidência de tuberculose, coeficiente de mortalidade por tuberculose, proporção de contatos examinados dos casos novos de tuberculose pulmonar com confirmação laboratorial, número de casos de tuberculose notificados no Sinan com tipo de entrada pós-óbito e proporção de casos novos pulmonares confirmados por critério laboratorial são alguns dos indicadores prioritários para o monitoramento das estratégias nacionais para o fim da tuberculose como problema de saúde pública no Brasil.

Todos os indicadores estão listados e suas linhas de base para o monitoramento estão apresentadas no Boletim Epidemiológico 2017, publicado pelo Ministério da Saúde neste dia 24 de março (Dia mundial de controle da tuberculose).

Nesse boletim epidemiológico os resultados apontaram a tendência de redução dos coeficientes de incidência e de mortalidade por tuberculose, no entanto, ainda foram registrados 66.796 casos novos em 2016 e 4.543 óbitos por tuberculose em 2015. Há indicadores operacionais, como a proporção de cura e de abandono de tratamento dos casos novos pulmonares diagnosticados por critério laboratorial que ainda estão com valores diferentes daqueles almejados para a interrupção da cadeia de transmissão da doença. Acrescenta-se ainda, que os indicadores apresentaram resultados que variam entre os estados e as capitais brasileiras.

Sendo assim, ações estratégicas de monitoramento e avaliação devem ser desenhadas e executadas pelos Programas de Controle da Tuberculose a fim de que haja o estabelecimento e a implementação de estratégias para o fim da tuberculose como problema de saúde pública no Brasil.

Link para acesso: http://portalarquivos.saude.gov.br/images/pdf/2017/marco/23/2017-V-48-N-8-Indicadores-priorit--rios-para-o-monitoramento-do-Plano-Nacional-pelo-Fim-da-Tuberculose-como-Problema-de-Sa--de-P--blica-no-Brasil.pdf

Nenhum comentário:

Postar um comentário